Mostrando postagens com marcador Tirinhas do dia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Tirinhas do dia. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Conselhos do mau: Ditados Populares

Por: Chapolin Mau

Tirinha Reprodução: Fanpage Chapolin Mau


Quando um não quer, dois não brigam, um insiste e um apanha.


Chapolin Mau é o cara que aparece 
sempre para resolver os problemas! 
Só que de um jeitinho bem especial, 
e um pouco violento, 
mas bem pouquinho.

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Conselhos do Mau: Quem escolhe muito fica sem

Tirinha Reprodução: Fanpage Chapolin Mau

Quem quer ficar escolhendo muito acaba ficando sem nada (Risos)

Chapolin Mau é o cara que aparece 
sempre para resolver os problemas! 
Só que de um jeitinho bem especial, 
e um pouco violento, 
mas bem pouquinho.

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Conselhos do Mau: Não reclame, aprenda com seus erros

Por: Chapolin Mau

Tirinha reprodução: Fanpage Chapolin Mau

Esse daí preferia ficar perdendo tempo reclamando em vez de aprender como se faz com o Jurandir.


Chapolin Mau é o cara que aparece 
sempre para resolver os problemas! 
Só que de um jeitinho bem especial, 
e um pouco violento, 
mas bem pouquinho

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Conselhos do Mau: Não espere para dizer que ama

Por: Chapolin Mau


Tirinha reprodução: Fanpage Chapolin Mau

Se você ama, diga isso para seu amado(a) hoje mesmo, pois eu posso fazer com que seja tarde mais se você ficar esperando muito!!!




Chapolin Mau é o cara que aparece 
sempre para resolver os problemas! 
Só que de um jeitinho bem especial, 
e um pouco violento, 
mas bem pouquinho

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Cartunfólio: Pecado contra o Corpo

Imagem reprodução: Cartunfólio/Facebook
De que adianta reclamar de quem toma sua cervejinha ou fuma seu tabaco, falando que o que destrói o corpo, segundo as escrituras sagradas, é pecado, e pedir um MC Podrão - Entope - Artéria Duplo e uma Bosta - Cola Tripla? Ou melhor dizendo:
Se você se diz cristão que segue as regras das suas escrituras sagradas, mas não segue seus preceitos, comendo alimentos que destroem seus corpos, tu é hipócrita.




Zandré, 30, 
é Professor de Artes, 
designer cartunista 
do blog Cartunfólio
 mas já pediu perdão a Deus.

domingo, 26 de julho de 2015

Cartunfólio: A denuncia do ridículo


Imagem reprodução: Facebook 

"Bem, não posso falar em nome de todos que fazem tirinhas. No meu caso trabalho com tiras de humor e acredito que o humor tenha diferentes funções que vão além do riso. O humor tem uma característica muito própria que é a do exagero. Portanto ele expõe, põe uma lupa em cima de uma questão e a amplia, tornando aquilo que até então não era percebido, em algo evidente. O humor, ou pelo menos o meu tipo de humor, não tem como intenção denegrir, ou ridicularizar nada, nem ninguém. Pelo contrário, eu pego algo que por natureza já é ridículo e a ponho sob uma lupa, para que outros percebam o ridículo até então não notado."

"Acredito, portanto, que independente do humor, o artista de modo geral, tenha esse papel social da denúncia e do questionamento. Através do humor, tenho a possibilidade de expor a nudez de muitas questões e problemas que muitos fazem questões de esconder."

"Tenho tido um bom retorno do público. As pessoas têm gostado bastante das tirinhas, principalmente nas que tocam em questões delicadas como religião, aborto, racismo, homofobia, etc. Estou com meu trabalho no ar há três anos, mas só agora minhas tirinhas estão caindo na graça da galera. É, claro sempre tem os haters, os que curtem a página só pra encher o saco. Ainda existem os que não entendem as piadas, ou os que simplesmente não gostam. Dos que não gostam, preciso citar aqueles que se assustam com sua própria “caricatura” percebendo-se ridículos pela própria natureza, da qual nunca se deram conta."

Cartunfólio

Com 30 anos, e um humor exacerbado que amplia e denuncia o ridículo dos seres humanos... Eis a definição das tirinhas de Zandré, fluminense de Itaboraí e quadrinista de mão cheia, confira a entrevista:


Victor Hugo Cavalcante: Primeiramente muito obrigado por nos conceder essa entrevista, e gostaria de começar perguntando: Seus quadrinhos/tirinhas são na maioria de assuntos atuais e polêmicos, por quê? Você acha que essa é a missão das tirinhas atuais? Tratar de problemas atuais? O que o povo acha disso?
Cartunfólio:
Bem, não posso falar em nome de todos que fazem tirinhas. No meu caso trabalho com tiras de humor e acredito que o humor tenha diferentes funções que vão além do riso. O humor tem uma característica muito própria que é a do exagero. Portanto ele expõe, põe uma lupa em cima de uma questão e a amplia, tornando aquilo que até então não era percebido, em algo evidente. O humor, ou pelo menos o meu tipo de humor, não tem como intenção denegrir, ou ridicularizar nada, nem ninguém. Pelo contrário, eu pego algo que por natureza já é ridículo e a ponho sob uma lupa, para que outros percebam o ridículo até então não notado.

Acredito, portanto, que independente do humor, o artista de modo geral, tenha esse papel social da denúncia e do questionamento. Através do humor, tenho a possibilidade de expor a nudez de muitas questões e problemas que muitos fazem questões de esconder.

Tenho tido um bom retorno do público. As pessoas têm gostado bastante das tirinhas, principalmente nas que tocam em questões delicadas como religião, aborto, racismo, homofobia, etc. Estou com meu trabalho no ar há três anos, mas só agora minhas tirinhas estão caindo na graça da galera. É, claro sempre tem os haters, os que curtem a página só pra encher o saco. Ainda existem os que não entendem as piadas, ou os que simplesmente não gostam. Dos que não gostam, preciso citar aqueles que se assustam com sua própria “caricatura” percebendo-se ridículos pela própria natureza, da qual nunca se deram conta.

Victor Hugo Cavalcante: Quais suas HQ's e tirinhas preferidas?
Cara, Além das Feijão com arroz Marvel e DC, gosto muito das Web Comics nacionais. Das quais posso listar sites como Willtirando, Peixe Aquático, Ryot Iras, Mentirinhas, Proféticos, Nabunda Nada entre outros...

Victor Hugo Cavalcante: Quais seus quadrinhistas e desenhista de HQ's/tirinhas preferidos? E quais foram suas inspirações para criar os quadrinhos?
Poxa é difícil dizer quais são minhas inspirações... porque são muitas... Gosto muito de caras como Laerte, Angeli, Ziraldo, Maurício de Souza, Reinado, Antônio Eder, André Diniz, Daniel Lafayette... E figuras menos conhecidas do grande público como Leonardo Amaral (Peixe Aquático e 5 alguma coisa no YouTube), Ryot (Ryotiras), Will Leite (Willtirando), Coala (Mentirinhas), Rafael Marçal (Proféticos), Leonardo Maciel (Nabunda Nada) entre outros.

Victor Hugo Cavalcante: O que é mais trabalhoso na hora de fazer uma HQ/tirinha?
Bom, a menos trabalhosa acho que é ter a ideia (o que não é regra)... O problema começa quando tenho que por a ideia no papel, ou melhor, no meu caso, na tela do computador. Acho que todo o processo é trabalhoso. Mas a parte mais chata, talvez seja a de colorir, se bem que ver a página pronta e colorida no final é bem prazeroso.

Victor Hugo Cavalcante: Você já lançou um livro online de tirinhas, intitulada 'As Piores das Melhores Tiras de 2014', você pretende lançar outro livro de HQs?
Pretendo todo ano lançar um compilado digital das tirinhas do ano anterior. Assim os fãs das tiras podem acompanhar de uma vez só tudo que foi produzido durante o ano. Até então fiz apenas do ano passado e disponibilizei em pdf para visualização online e download, tudo gratuito. Mas pretendo ainda, sem data definida, lançar alguma coisa em papel. Ainda não sei se em uma editora ou de forma independente.

Victor Hugo Cavalcante: Qual a maior dificuldade que você encontra da confecção do material (pesquisa de temas, desenhos, textos, etc) até a divulgação das tirinhas?
A maior dificuldade eu enfrento quando tenho que sair da minha zona de conforto. Quando por exemplo preciso fazer uma caricatura de alguém, que por acaso não esteja acostumado a desenhar, em posições diferentes numa mesma história. Ou quando preciso desenhar um objeto ou situação que nunca desenhei na vida. Texto pra mim também é um problema. Gosto de escrever tudo à mão, pois acho que o texto manuscrito fica mais orgânico e expressa minha personalidade... É a extensão do meu traço. Só que como na internet tudo é muito rápido, não é raro tirinhas irem pro ar com alguns erros bobos.

Victor Hugo Cavalcante: Você acha que a arte quadrinista tem uma boa divulgação no Brasil? O que falta melhorar na área?
Hoje tem muita gente boa produzindo quadrinhos de qualidade no Brasil, mas falta incentivo, principalmente do setor público. Pra falar a verdade falta incentivo pra cultura em geral. Vivemos num país onde, infelizmente é mais interessante matar e prender do que incentivar a cultura e a educação. O número de gente produzindo e consumindo quadrinhos nacionais tem crescido nos últimos anos, principalmente na esfera independente, a maioria via internet, como no meu caso.

Eventos como FIQ, Comic Con, Gibicon entre outros são muito importante para a divulgação do quadrinho nacional. Mas ainda são poucos e isolados. Sinto falta de mais eventos como esses em minha região, por exemplo.

Victor Hugo Cavalcante: Você usa algum programa no computador para fazer os quadrinhos? Qual a dica perfeita que você daria para quem deseja mexer nessa área?
Uso o Photoshop e uma mesa gráfica. A dica pra quem quer fazer é ler bastante, não só quadrinhos, mas outras literaturas. Desenhar é o melhor (e único) jeito de se aprender a desenhar bem. Quando mais se desenha, mas se aprende. O Segredo é produzir sempre. Mesmo que o desenho esteja meia boca, a história sem graça, quanto mais se produz, mais se desenvolve a escrita, o traço, as cores, as ideias.

Victor Hugo Cavalcante: O Cartunfólio na maioria das vezes usa o humor crítico para atacar ideias bizarras e perigosas da religião e da chamada "Família de Bem", Por quê?
Bom, algumas pessoas me acusam de ser de esquerda, comunista ou até petista... (credo) outros acham que sou ateu, ou um herege. Na verdade, por incrível que pareça para algumas pessoas, sou cristão de origem evangélica. Nasci e fui criado em um lar evangélico, mais precisamente na Assembleia de Deus de onde fiquei até meus vinte poucos anos, até que conheci minha esposa e mudei para uma denominação mais tradicional, a Igreja Congregacional, onde congrego até hoje. No entanto, hoje não me considero uma cara da religião, mas do Evangelho de Cristo. Não só conheço como sofri na pele as contradições da religião.

Enquanto Cristo diz: ajunte, a religião diz: espalhe. Enquanto Cristo diz: ame, a religião diz: odeie, persiga, maltrate. Enquanto Cristo diz: tenha misericórdia, a religião diz: condene, prenda, mate. Enquanto Cristo diz: perdoe, A religião diz: se vingue, isso é justiça! Enfim... Diante do ridículo da discrepância entre o que Jesus diz e o que a religião diz que Jesus disse me vejo com a ”lupa” na mão.

Imagem reprodução: Cartunfólio

quinta-feira, 16 de julho de 2015

Cartunfólio: A facada e os Homens de Bem

Imagem reprodução: Blog
Ama bandido? Leva pra casa... Com todo prazer... Jesus Cristo levou dois pra casa (A morada do Pai) e perdoou seus assassinos numa cruz, parceiro!!!



Zandré, 30, 
é Professor de Artes, 
designer cartunista 
do blog Cartunfólio
 mas já pediu perdão a Deus.

terça-feira, 14 de julho de 2015

A vida hoje em dia

Texto e Imagens: Hélio Kaname - do site Erick Animation

Essa vida moderna de hoje em dia e seus efeitos colaterais, essa semana nos Quadrinhos Azuis, eu pensei em mostrar algumas situações que são comuns nos dias de hoje...

Quanto tempo você passa nas redes sociais? Será que você conseguiria viver sem  elas, ou até mesmo sem internet por um tempo? O Facebook é uma das redes mais usadas, e não é difícil você encontrar pessoas que ficam medindo as coisas por meio de curtidas, se uma moça ou rapaz não tem um certo número de curtidas, então eles não são bonitos! Pode parecer bizarro, mas muita gente vive disso, vive para conseguir curtidas, apenas isso, lamentável!
Imagem reprodução: Erick Animation/Facebook
Elogios são coisas muito legais, que as vezes podem fazer o seu dia mais feliz, e isso é algo muito legal, mas hoje em dia as pessoas estão muito superficiais, e interesseiras, ninguém faz mais nada sem querer algo em troca, e se faz bem intencionado é mal interpretado!
Assim vamos indo e indo até que chegamos em um ponto, onde a gentileza passa a ser algo que não se vê sempre, e isso é muito triste, pois ainda existem as pessoas que fazem elogios verdadeiros, que ajudam apenas pelo prazer de fazer bem ao próximo, mas esses se tornaram uma minoria, e continuarão sendo por muito tempo.
Imagem reprodução: Erick Animation/Facebook
Que a programação de domingo nos canais abertos não é a das mais legais todos já sabem, mas esses programas que “tiram” as pessoas da merda, dão casas, máquinas de pizza e de camiseta, podem até ajudar essas pessoas mais necessitadas, e isso em parte é bom, mas eles fazem tanto drama em cima do sofrimento das pessoas que chega a ser cruel, parece que se divertem com o sofrimento alheio. O pior, é que isso funciona e eles tem a audiência que eles tanto desejam, a questão é, se isso parar de dar audiência, será que eles vão continuar ajudando o pessoal? Provavelmente não!
Imagem reprodução: Erick Animation/Facebook
Segunda-feira é dia de começar a dieta, academia, estudar mais, quase todo mundo já prometeu a si mesmo que começaria algo em alguma segunda-feira, e alguns até que o fazem, mas uma certa porcentagem da galera acaba que fica deixando para a próxima segunda, e a próxima, até que quando se vê, anos se passaram. Isso não vale só para dietas não, é geral, você não precisa esperar até a segunda pra dizer que vai começar algo, crie forças e comece hoje mesmo! Não perca tempo!
Imagem reprodução: Erick Animation/Facebook

Nerd Rio-pretense de 27 anos, Hélio Kaname é criador do imprevisível e anti herói mais amado de todos, e escreve para o site Erick Animation, além de participar do grupo Capivara Labs.

domingo, 8 de março de 2015

Proféticos: Feliz dia ou dia feliz?

Imagem reprodução: Facebook
De que vale apenas um feliz dia, se elas merecem dias felizes pra todo sempre?

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Proféticos: Celular X Pessoa

Imagem reprodução:Blog
"Diga qual celular usas, que te digo quem és"... Ou tipo isso... Que patada que o personagem levou não?

Recados do Tio Kaname: Vestido bicolor

Imagem reprodução: Facebook
Seus Bostas... Foda-se a cor desse vestido bicolor....

Recados do tio Kaname: Não Foi Acidente

Imagem reprodução: Facebook
Se beber não dirija seu BOSTA... Se beber e dirigir e se acidentar... Não Foi Acidente: Foi Crime...

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Recados do Tio Kaname: Extripa com Chapolin Mau

Imagem reprodução:Facebook
Esquenta o caramba, aqui com o azulão é Extripa... Qual Brasileiro que não está de saco cheio desse programinha preconceituoso e racista? Extripa neles seu BOSTA!!!

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Recados do Tio Kaname: Chapolin Mau e Carnaval

Imagem reprodução:Facebook
O Chapolin Mau não gosta de Carnaval, só gosta de ver o circo pegar fogo... SEUS BOSTAS

sábado, 7 de fevereiro de 2015

Tirinhas do zé: Indecisão

Imagem reprodução: Blog
Mulheres são tão indecisas, ora essa, ela que manda ir com a tal amiguinha... E depois fica bravo conosco....

domingo, 1 de fevereiro de 2015

Tirinhas do Zé: Leva por trás

Imagem reprodução: Blog
Daqui alguns anos isso vai ser normal... Imagine só, você tomando um solzinho na praia ou em frente da sua majestosa piscina tomando uma cervejinha, e grita pro seu companheiro:

"Amor, pega meu pau e bate uma pra mim?!"

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Zumberto: Literalmente falando

Imagem reprodução:Blog
Zumbi acha toda mulher gostosa/deliciosa... Falando no sentido literal, é claro...

Tirinhas do Zé: Resposta retórica

Imagem reprodução: Blog
Algumas perguntas são retóricas, ou seja, não precisam de resposta, e vocês já ouviram falar da Resposta Retórica?

Proféticos: Hortografia e Gramateca...

Imagem reprodução:Blog
Maldito corretor ortográfico de celular... Isso é o diabo querendo atrapalhar sua vida...

domingo, 25 de janeiro de 2015

Sapo Brothers: A volta da infância

Imagem cedida:  BLOG
Ah, o velho lado infantil adormecido... Saudades dessa parte da vida adormecida, no qual... Eitcha, acabei de ver um comentário que diz que Crepúsculo é melhor que Harry Potter... É hora de tacar a real nesses carinhas...

OBS: Brincadeirinha, fãs de Edward & Bella, amamos vocês...
OBS²: Porém amamos mais os PotterHeads... (Risos)